Você está aqui: Home / Imprensa / Notícias / Balança comercial

Commodities continuam sustentando a balança comercial brasileira.

As commodities continuam sustentando a balança comercial brasileira. Nos oito primeiros meses deste ano, apenas sete dos principais produtos do setor agrícola somaram US$ 36,3 bilhões nas receitas com exportações, 15% mais do que em igual período anterior.

No setor de metais, o minério de ferro foi o grande destaque e atingiu receitas de US$ 15,9 bilhões até agosto, valor que supera em 81% o de igual período de 2009.

As vendas externas de petróleo bruto renderam US$ 10 bilhões, com alta de 89%, conforme dados do Ministério do Desenvolvimento. O aumento de receitas das commodities veio mais pela recuperação dos preços externos do que pelo crescimento do volume exportado.

A soja foi exceção. Em agosto, a tonelada foi negociada a US$ 390 em média, 11% menos do que em igual mês de 2009. Já o açúcar caminhou na direção oposta. A tonelada do produto bruto atingiu US$ 407, com alta de 25% sobre agosto de 2009.

As carnes “in natura” também mostram boa recuperação de preços. A suína continua sendo a de menor receita no período, mas os preços do mês passado superaram em 30% os de agosto de 2009.

No período de janeiro a agosto, a carne bovina foi a que mais teve aumento nas receitas, somando US$ 2,6 bilhões, 40% mais do que em relação a 2009. A de frango acumulou US$ 3,7 bilhões neste ano, com alta de 20% sobre igual período de 2009.

Até o milho, apesar do câmbio desfavorável, conseguiu receitas maiores neste ano, devido aos leilões do governo: US$ 677 milhões.

Mauro Zafalon
Folha de S.Paulo

ANDEF. Avenida Roque Petroni Júnior, 850 . 19º andar . Torre Jaceru . Jardim das Acácias . CEP: 04707-000 . Tel.: 55 (11) 3087-5033 - (Mapa) Desenvolvido por UAU!LINE.