Você está aqui: Home / Imprensa / Notícias / Conhecer para manejar

Cresce importância da praga secundária da soja no Brasil.

Foto: David Cappaert

Considerada até recentemente uma praga secundária da soja no Brasil, a lagarta falsa-medideira (Chrysodeixis includens) vem aumentando em importância na soja e em outras culturas. Fatores ambientais e mudanças no sistema de manejo de pragas podem ter contribuído para o crescimento populacional.
 
As fêmeas depositam os ovos individualmente nas folhas de dezenas de espécies de plantas cultivadas, daninhas, ornamentais e silvestres, das quais as larvas se alimentam. Mas será que todas elas são igualmente favoráveis ao desenvolvimento das larvas?
 
Para responder a essa pergunta, pesquisadores da Universidade Estadual de Londrina e da Embrapa Soja realizaram uma série de bioensaios oferecendo folhas de soja, algodão, girassol e ipomeia às larvas.
 
A praga completou seu ciclo em todas as espécies consideradas, mas houve diferenças: as folhas de girassol foram as que propiciaram o desenvolvimento mais rápido enquanto, em algodão, as larvas precisaram de mais tempo para completar todo o ciclo. O volume de folha consumido, que pode indicar o valor nutricional da planta para o inseto, foi menor em soja. Ou seja, as lagartas precisaram de uma quantidade menor de folhas de soja para completarem seu desenvolvimento do que de girassol, algodão e ipomeia. A sobrevivência das larvas foi mais alta no girassol, de 95%. Isso quer dizer que a cada 100 larvas alimentadas com folhas de girassol, somente cinco morreram.
 
Os autores concluem que o girassol é, entre as quatro espécies consideradas, o melhor hospedeiro para Chrysodeixis includens. Essa informação é crucial para o planejamento de programas de manejo da praga, já que a cultura do girassol é considerada uma alternativa para rotação de cultivos. No entanto, do ponto de vista sanitário, alternar soja com girassol pode significar um aumento na pressão desta praga na safra seguinte.

ANDEF. Avenida Roque Petroni Júnior, 850 . 19º andar . Torre Jaceru . Jardim das Acácias . CEP: 04707-000 . Tel.: 55 (11) 3087-5033 - (Mapa) Desenvolvido por UAU!LINE.