Você está aqui: Home / Imprensa / Notícias / Inovação: aliada da agricultura

Os defensivos agrícolas e uma mistura química certeira.

*Alessandro Nogueira

Já parou para pensar que a química faz parte da nossa vida cotidiana? Encontramos a química nos alimentos que ingerimos, no ar que respiramos, no sabão que usamos na limpeza doméstica, nas tintas que pintamos as nossas residências, nos combustíveis em automóveis e, literalmente, em todos os objetos que vemos ou tocamos. O corpo humano, por exemplo, é constituído por compostos químicos que são combinações de elementos químicos.  Por estar em todos os lugares e pela transformação de matérias e teorias, a química já foi confundida, antigamente, com magia negra. Acreditem!

Apenas para fazer um breve histórico, a história da química, desde milhares de anos antes de Cristo, está ligada ao desenvolvimento da humanidade. No início da era cristã, a química era confundida com magia negra.  Os químicos ou magos acreditavam que a matéria era formada pela combinação de quatro elementos: fogo, ar, água e terra. Entre a era cristã até o final do século 17, a química era chamada de alquimia e os alquimistas buscavam transformar metais baratos em ouro e desenvolver um elixir que pudesse levar à vida eterna.  Entre o final do século 17 e meados do século 19 ocorreu o período da química tradicional, com destaque para Dalton, que criou primeira teoria atômica e Lavoisier, que em seus estudos concluiu que ‘na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma’.  Por fim, em meados do século 19 até os dias de hoje, houve uma evolução de conhecimento do comportamento dos átomos e suas partículas e o desenvolvimento de todas as áreas da química que são classificadas como química orgânica, bioquímica, analítica, inorgânica, entre outras especialidades.

Sou químico e gerente de formulação de uma das principais agroquímicas do mundo, e aqui a química é fundamental e aliada da agricultura atuando em toda a cadeia do alimento: desde a modificação genética de sementes, produção de fertilizantes químicos ou orgânicos, defensivos agrícolas, aditivos especiais, higienização dos alimentos até a produção de bebidas e alimentos industrializados.

Especialmente no que diz respeito ao segmento de defensivos agrícolas, a química é essencial. Os ingredientes ativos que atuam como soluções para controle de plantas daninhas, doenças e pragas, uma vez combinados com outros compostos como solventes, emulsificantes, dispersantes e outros, permitem a química perfeita gerando a solução especifica aliada a necessidade de potencializar sempre o crescimento da agricultura e de sua produtividade nas lavouras.

Por sua vez, o químico desta área atua na identificação de moléculas com potencial para controle dessas  pragas e doenças, no desenvolvimento da síntese dessas moléculas com atividade biológica e de formulações que permitem a sua aplicação, que viabilizam a produção industrial e garantem mais qualidade nos produtos manufaturados. Além de todos esses pontos, o profissional atua também nesta cadeia em busca de soluções sustentáveis para a sociedade com o desenvolvimento e uso de materiais de fontes renováveis e de baixo impacto ambiental.

Precisamos pensar no futuro próximo, pois em 2050 seremos em 9,2 bilhões de habitantes no mundo e as inovações químicas serão imprescindíveis para produção maior de alimentos para atender toda essa demanda da população. Nossa missão é pensar também no futuro e elaboramos novas formulações que possam dar conveniência ao mesmo tempo para o produtor rural e para uma sociedade sustentável. Essa é a química do sucesso.  Parabenizo todos os colegas químicos, engenheiros químicos e técnicos químicos que são responsáveis por trazer saúde e bem estar a toda a sociedade.

*Alessandro Nogueira é químico e gerente de Formulações da FMC Agricultural Solutions.

ANDEF. Avenida Roque Petroni Júnior, 850 . 19º andar . Torre Jaceru . Jardim das Acácias . CEP: 04707-000 . Tel.: 55 (11) 3087-5033 - (Mapa) Desenvolvido por UAU!LINE.