Você está aqui: Home / Imprensa / Notícias / Lançado pela Andef, aplicativo reúne informações sobre manejo fitossanitário

DefesaVegetal.Net é nova ferramenta para auxiliar ações de defesa vegetal.

O Brasil é um país continental, tropical e que tem cada vez mais atraído estrangeiros, seja por suas atrações turísticas, seja para eventos como a Copa do Mundo de 2014, os shows de rock e, agora, as Olimpíadas. Se isso é muito positivo para a nossa economia e intercâmbio de informações, também implica em risco de chegada de novas pragas, que põem em risco a nossa rica agricultura.
 

Preocupada com isso e ciente das limitações cada vez maiores do sistema oficial de defesa agropecuária para identificar, controlar a entrada e combater essas pragas, a Associação Nacional de Defesa Vegetal – Andef acaba de lançar o aplicativo DefesaVegetal.Net. A ferramenta, que também funcionaoffline, pode ser baixada e instalada gratuitamente por usuários dos sistemas operacionais Android e IOS.

A plataforma reúne informações sobre defesa vegetal e permite uma série de consultas de maneira extremamente intuitiva. O produtor pode, por exemplo, consultar quais são os organismos que atacam uma determinada espécie de planta, checar sua distribuição geográfica, seu comportamento e quais as melhores práticas de manejo para uma determinada praga, como uma planta daninha, fungos, vírus, bactérias e insetos. No caso do controle químico, o usuário ainda obtém informações sobre os ingredientes ativos registrados no Brasil e vai ter em breve acesso à bula dos produtos disponíveis.

A ideia é bastante simples e, ao mesmo tempo, inovadora, ao transpor para a agricultura uma solução que já é familiar a outros setores. “Buscávamos uma nova ferramenta que fosse prática para o agricultor. Como todo mundo tem hoje um celular, o aplicativo surgiu como um meio de agregarmos dados da biologia das pragas, e assim, identificarmos os danos possíveis, as adequadas recomendações de controle, bem como as indicações de uso de ingredientes ativos de acordo com o registro dos mesmos”, diz Luis Carlos Ribeiro, gerente técnico e de Regulamentação Estadual da Andef.

As informações usadas no aplicativo são resultado de um trabalho conjunto entre a Andef, a Agropec, e pesquisadores de instituições como a Embrapa, coletadas em eventos e reunidas em publicações, como o livro Defesa Vegetal – Fundamentos, Políticas e Perspectivas, lançado em 2015 pela Sociedade Brasileira de Defesa Agropecuária (SBA), e o site DefesaVegetal.Net.

Segundo Ribeiro, o usuário, além de consultar e buscar informações, também pode interagir e agregar, ao registrar onde a praga foi detectada. E, como a ferramenta é aberta, pesquisadores e estudantes de agronomia ou biologia, por exemplo, também podem complementar inserindo novas informações, “desde que seguindo determinadas regras”, informa. De acordo com o executivo, fiscais da defesa agropecuária federal e de alguns estados, além de técnicos de associações e entidades de produtores rurais, já procuraram a Andef, demonstrando interesse em usar o aplicativo, para melhor identificar e, assim, combater de maneira mais eficaz as pragas.

O projeto que resultou no desenvolvimento do aplicativo existe há dois anos e, em 2016, ganhou destaque internacional ao ser premiado no concurso promovido pela Crop Life LatinAmerica.

ANDEF. Avenida Roque Petroni Júnior, 850 . 19º andar . Torre Jaceru . Jardim das Acácias . CEP: 04707-000 . Tel.: 55 (11) 3087-5033 - (Mapa) Desenvolvido por UAU!LINE.