Você está aqui: Home / Imprensa / Notícias / Um esforço sem descanso

Em artigo, João Lammel fala da importância de inovar e produzir alimentos

&quote;

*João Sereno Lammel

Para celebrar a criação da FAO, Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação, FAO, e lembrar internacionalmente sua finalidade, foi criado, no dia 16 de outubro de 1981, o Dia Mundial da Alimentação. Trata-se de mais um esforço para conscientizar o conjunto da humanidade sobre a difícil situação que enfrentam as pessoas que passam fome e estão desnutridas, e promover em todo o mundo a participação das pessoas na luta contra esse drama. No Brasil, como forma de apoiar e divulgar o Dia Mundial da Alimentação, este ano se realizou a quarta edição do Fórum Inovação, Agricultura e Alimentos para o Futuro Sustentável.

O encontro tem debatido o papel da ciência e das inovações tecnológicas para o aumento da produção de alimentos, redução dos custos dos produtos da cesta básica, melhor distribuição e mecanismos para promover o desenvolvimento de forma sustentável. O esforço não é pequeno, mas se justifica. Dessa forma, juntos estamos renovando e ampliando a iniciativa da FAO em seu esforço mobilizador para impulsionar a agricultura nos países pobres e em desenvolvimento. A iniciativa, que conta com o apoio da FAO, é da Associação Nacional de Defesa Vegetal, Andef, e da Associação Brasileira do Agronegócio, Abag.

Todos os anos, mais de 150 países celebram este evento. Trata-se, portanto, de mais um esforço para conscientizar o conjunto da humanidade sobre a difícil situação que enfrentam as pessoas que passam fome e estão desnutridas, e promover em todo o mundo a participação das pessoas na luta contra esse drama. O Fórum tem se constituído um espaço nobre para o debate de propostas, refletir preocupações e apontar caminhos.

Ao nos debruçarmos sobre o papel da ciência, da pesquisa e desenvolvimento de tecnologias capazes de contribuir com o aumento da produção de alimentos, fibras e energias renováveis; estamos, promovendo o desenvolvimento de forma sustentável. E, de forma concreta, renovando as esperanças de ver estabelecida uma paz capaz de proporcionar a todos os habitantes da Terra a certeza de poderem viver livres da injúria da desnutrição. Um esforço, portanto, para o qual nenhum de nós pode descansar enquanto um dos nossos semelhantes continuar sob o peso da tal sofrimento.

* João Sereno Lammel é engenheiro agrônomo e presidente da Associação Nacional de Defesa Vegetal, Andef

Fonte: Comunicação ANDEF

ANDEF. Avenida Roque Petroni Júnior, 850 . 19º andar . Torre Jaceru . Jardim das Acácias . CEP: 04707-000 . Tel.: 55 (11) 3087-5033 - (Mapa) Desenvolvido por UAU!LINE.